terça-feira, 29 de abril de 2008

ExpoVinis 2008



A Wine Group, Chaves Oliveira, esta na ExpoVinis 2008 com vinhos muito interessantes, entre eles, o nosso conhecido Comendador de Viluco, Partida Limitada, Gran Reserva, Colheita 2001. O vinho fica 3 anos em barricas de carvalho francês e 2 anos em garrafa antes de ser comercializado. Elaborado no Valle de Uco, Mendoza.
Experimente, é inesquecível
Ontem foi o primeiro dia, eu estive desde o momento da abertura. Tenho a impressão que este ano está menor, mas os vinhos oferecidos são muito bons. É uma oportunidade única para apreciá-los, se bem que no mês de Setembro acontece uma nova edição da Boa Mesa 2008...
Encontrei e conversei um pouco com Jorge Carrara, o nosso amigo, grande conhecedor do fascinante mundo do vinho. Pessoa agradável e simpática. No finalzinho da tarde, começam a chegar os consumidores e fica bem lotado o recinto. Estive também com Enrique Toso, da Adega do mesmo nome e que elabora o Toso Reserva Malbec, que gosta o nosso amigo Luiz Horta. Fiquei um tempo no espaço da importadora do Rio de Janeiro, Barrinhas, e agradeci ao proprietário Claudio Moreira, o suporte proporcionado. Com certeza, hoje estarei lá, de novo. Num dos corredores, achei o meu amigo Marcos, sócio-proprietário da loja de vinhos onde você encontra ótimos preços: Empório Mercantil. Uma outra empresa que visitei, foi a Vinis Importadora que estão trazendo os vinhos produzidos pelas Bodegas e Viñedos Crotta. Que lembro são excelentes e tem uma boa relação qualidade/preço. Amanhã continuo oferecendo a minhas impressões.



4 comentários:

Carla Santos de Albuquerque disse...

O vinho EL Corazón Malbec e Syrah da Chaves Oliveira Wine Group são fantásticos. Apresentanto rapida passagem em barricas francesas apresentando uma combinação de aroma de cassis, frutos frutas de bosque, perfumes violeta, boa acidez e frescor. Ainda fui a sala de degustação onde a mesma proporcionou uma palestra com o Dr. Giuliano (Dr. em enologia pela Universidade de Bordeaux). Aprendi, tirei dúvidas e saí ainda mais encantada com o mundo dos vinhos!
Na próxima feira estarei lá outra vez!

Carla Santos de Albuquerque disse...

O vinho EL Corazón Malbec e Syrah da Chaves Oliveira Wine Group são fantásticos. Apresentanto rapida passagem em barricas francesas apresentando uma combinação de aroma de cassis, frutos frutas de bosque, perfumes violeta, boa acidez e frescor. Ainda fui a sala de degustação onde a mesma proporcionou uma palestra com o Dr. Giuliano (Dr. em enologia pela Universidade de Bordeaux). Aprendi, tirei dúvidas e saí ainda mais encantada com o mundo dos vinhos!
Na próxima feira estarei lá outra vez!

ricardo sousa beckhan disse...

Sou um apreciador de vinhos do Recife. Vim a São Paulo apenas para degustar vinhos. Passei por alguns estandes e degustei ótimos vinhos brancos (Sauvignon Blanc) espanhois. O LÍDIO CARRARO que tem um rótulo muito bonito mas não me agradou muito (o Merlot estava melhor). Penso que deva ser trabalhado um pouquinho mais.
O vinho brasileiro CALZA (Cabernet Sauvignon) é muito bom.
Degustei um vinho espanhol Vinã Ardanza Reserva 1999 (acho que da importadora ZAHIL importadora) de cor tendendo ao vermelho tijolo e leve toque de mel. Enfim, pareceu ser feito com chips, pois parece não ter sido trabalhado com um bom terroir e com barricas francesas. Passei também por um estande de um produtor argentino - CHAVES OLIVEIRA WINE GROUP e degusstei o Chaves Oliveira Reserva Malbec (frutado com frescor, coloração intensa, excelente acidez) - Explendido - Acabei de chegar de um restaurante na praia de Boa Viagem onde estava degustando um que comprei na expovinis com meus amigos!Gostei daquele Tamaya do Chile (se bem que a técnica de produção chilena não me agrada - muita "enologia", pouco terroir). Adoro visitar seu blog! Parabens pelo trabalho!

ricardo sousa beckhan disse...

Sou um apreciador de vinhos do Recife. Vim a São Paulo apenas para degustar vinhos. Passei por alguns estandes e degustei ótimos vinhos brancos (Sauvignon Blanc) espanhois. O LÍDIO CARRARO que tem um rótulo muito bonito mas não me agradou muito (o Merlot estava melhor). Penso que deva ser trabalhado um pouquinho mais.
O vinho brasileiro CALZA (Cabernet Sauvignon) é muito bom.
Degustei um vinho espanhol Vinã Ardanza Reserva 1999 (acho que da importadora ZAHIL importadora) de cor tendendo ao vermelho tijolo e leve toque de mel. Enfim, pareceu ser feito com chips, pois parece não ter sido trabalhado com um bom terroir e com barricas francesas. Passei também por um estande de um produtor argentino - CHAVES OLIVEIRA WINE GROUP e degusstei o Chaves Oliveira Reserva Malbec (frutado com frescor, coloração intensa, excelente acidez) - Explendido - Acabei de chegar de um restaurante na praia de Boa Viagem onde estava degustando um que comprei na expovinis com meus amigos!Gostei daquele Tamaya do Chile (se bem que a técnica de produção chilena não me agrada - muita "enologia", pouco terroir). Adoro visitar seu blog! Parabens pelo trabalho!